20.2 C
Distrito Federal
domingo, 5 abril, 2020

AS QUENTES DA POLÍTICA DO DF

Sete toneladas de massa asfaltica Na última quinta-feira (20), a cidade de Águas Claras passou por uma grande operação para limpeza e recuperação das vias....
More

    Juiz absolve Temer por diálogo com Joesley Batista

    Denúncia de obstrução de Justiça foi feita pelo ex-PGR Rodrigo Janot, em 2017, com base em áudio no qual o ex-presidente diz: 'Tem que manter isso, viu?' Por Diego Freire



    Em decisão emitida na noite desta quarta-feira 16, o juiz federal Marcus Vinicius Reis Bastos, da 12ª Vara Federal Criminal do Distrito Federal, absolveu o ex-presidente Michel Temer de acusação de obstrução de Justiça. A denúncia havia sido feita pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, em 2017, com base em uma conversa com Temer gravada pelo empresário Joesley Batista, do grupo J&F.

    De acordo com Janot, os diálogos mostrariam Temer tentando “manter” o silêncio do operador Lúcio Funaro e o ex-deputado Eduardo Cunha de eventuais denúncias que poderiam atingi-lo. No áudio, tornado público, Joesley fala sobre iniciativas que estaria tomando em relação a Cunha. O executivo diz que havia “zerado as pendências” e que estava “de bem” com o ex-parlamentar. O ex-presidente, então, responde: “É, tem que manter isso, viu?”.

    “A prova sobre a qual se fia a acusação é frágil e não suporta sequer o peso da justa causa para a inauguração da instrução criminal”, afirmou o juiz em sua decisão. “O diálogo quase monossilábico entre ambos (Temer e Joesley) evidencia, quando muito, bravata do então Presidente da República, muito distante da conduta dolosa de impedir ou embaraçar concretamente investigação de infração penal que envolva organização criminosa”, acrescenta Bastos.

    Para o juiz, o diálogo, “ao contrário do que aponta a denúncia, não permite concluir que o réu estava estimulando Joesley Batista a realizar pagamentos periódicos a Lúcio Funaro, de forma a obstar a formalização de acordo de colaboração premiada e/ou o fornecimento de qualquer outro elemento de convicção que permitisse esclarecer supostos crimes atribuídos ao grupo denominado ‘PMDB da Câmara’”.

    Bastos destaca, ainda, a ocorrência de trechos “inteligíveis” no áudio, com interrupções e ruídos, e aponta problemas na transcrição, ‘juntando trechos de fala registrados separadamente pela pericia técnica’. Cabe recurso à decisão.

    Fonte: Veja

    Latest Posts

    BRB lança campanha de arrecadação de recursos para compra de respiradores

    O Banco de Brasília (BRB), por meio de seu instituto – entidade sem fins lucrativos e que tem como missão promover a qualidade de...

    Coronavírus: obesidade entra na lista de fatores de risco

    Em meio à crise da COVID-19, os grupos de risco indicam as pessoas que têm mais de chances de desenvolver quadro grave da doença, agora incluindo...

    Iges-DF comprou 5 mil macacões protetores para profissionais de saúde

    Uma compra de 5 mil macacões – que protegem contra a contaminação do novo coronavírus – foi feita pelo Instituto de Gestão Estratégica de...

    ‘Esse é um momento delicado para toda a população’

    Advogada especialista em direito processual civil e pós-graduada em arquitetura, Marcela Passamani assumiu recentemente a Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus-DF),...

    Últimas Notícias

    Calamidade pública será votada pela CLDF

    O Governo do Distrito Federal (GDF) protocolou nesta terça-feira (31) um documento para que a Câmara Legislativa (CLDF) aprove a declaração de estado de...

    Anastasia anuncia agenda de votação para projetos de combate à crise

    O primeiro vice-presidente do Senado, Antonio Anastasia (PSD-MG), anunciou na abertura da Ordem do Dia desta terça-feira (31) que os líderes partidários vão acertar...

    Coronavírus: senadores alertam para violência contra a mulher durante isolamento

    Como forma de se proteger do contágio do novo coronavírus, as famílias brasileiras passaram a adotar medidas de isolamento e distanciamento social. Em meio...

    Países recomendam masturbação e vodca como medidas para contenção do coronavírus

    Lucas Alonso BAURU Com cerca de 39 mil mortes e mais de 800 mil casos confirmados do novo coronavírus pelo mundo até esta terça-feira (31), a...

    Coronavírus: 14 Estados e o DF registram mortes relacionadas à covid-19

    O registro de mortes de pacientes infectados pelo novo coronavírus (covid-19) alcançou 14 Estados e o Distrito Federal nesta segunda-fera. O balanço de casos...