20.2 C
Distrito Federal
domingo, 31 maio, 2020

As Quentes da Política do DF

Inquéritos das Fake News Oito deputados ligados ao presidente Bolsonaro são alvo da operação da Polícia Federal que investiga Fake News na internet contra os...
More

    Multidão foi pra rua e frustrou a CUT

    - PUBLICIDADE -



    manifestação

    Mesmo com as estratégias anti-democráticas dos petistas em amedrontar as pessoas, a multidão compareceu às ruas. Dessa vez a manifestação teve mais foco. Com as manchetes de corrupção da operação lava jato e os denominados “Pixulecos”, o povo se levantou no Domingo para ganhar as ruas do Brasil e sabiam o que estavam buscando.

    O Brasileiro não recebeu uma “ajudinha” do BNDS para ganhar as ruas no dia 16. Quem compareceu ao protesto, munidos dos seus sentimentos demonstrados em coreografias, em cartazes e de outras formas, sabe da imoralidade que vem acontecendo no governo petista durante os 3 mandatos seguidos.

    No DF, a Esplanada estava brilhante. Os manifestantes gritavam com garra: fora PT, fora Dilma, impechemant já. Mas uma minoria, que não consegue se manifestar contra a corrupção ativa do Brasil e o caos que se instalou no poder, perguntava o porquê da manifestação. Se manifestar nas ruas adianta? Bem, tudo indica que a pressão das manifestações ajudou muito em destravar pautas importantes no Congresso Nacional como, por exemplo, a maioridade penal, que pelo PT não passaria jamais.

    Uma coisa é certa: parece que os políticos não são muito patriotas. Andei muito na esplanada para identificá-los no meio da manifestação. Consegui encontrar dois deputados do PSDB, Izalci e Raimundo Ribeiro. Não é qualquer político que pode fazer parte de uma manifestação popular.

    O Brasileiro encontrou a forma de se comunicar com os políticos. O “VEM PRA RUA” pode fazer qualquer político, que acha que ganhou as eleições pra faturar no esquema de propina, ter que pensar mais. O mesmo direito exercido pela democracia no voto é também dado no IMPEACHMENT. Não tem estratégia peleguista que possa pagar o valor da Petrobrás, BNDS e demais fundos que foram usados para patrocinar amigos ou filhos de políticos por meio de suas empresas.

    O Protesto foi cercado de críticas, ideias e soluções. Discursos nada normais da Presidenta Dilma foram lembrados, faixas, bonecos, encenações de petistas presos e até a novidade do boneco do ex-presidente Lula com roupa de presidiário foram expostos. Entre os pedidos, uma filipeta foi distribuída e lida por todos manifestantes no gramado do Congresso Nacional em apoio ao trabalho do Ministério Público, Policia Federal e Justiça Federal.

    Cris Oliveira

    Comentários

    - PUBLICIDADE -

    Notícias Relacionadas

    - PUBLICIDADE -

    Últimas Notícias

    Covid-19: equatoriano Juan Cazares, do Atlético-MG, testa positivo

    O Atlético-MG confirmou na tarde de hoje (31) que o meia-atacante equatoriano Juan Cazares, de 28 anos, testou positivo para o novo coronavírus (covid-19). De acordo...

    Aeroporto de Montevidéu é transformado em cinema drive-in

    O Aeroporto de Carrasco, principal terminal aéreo do Uruguai, trocou as decolagens e aterrissagens de aviões por filmes. O estacionamento foi transformado em cinema...

    PMDF apreende dois jovens com armas e pé de maconha

    Dois adolescentes foram apreendidos suspeitos de posse irregular de arma de fogo e uso e porte de drogas no Núcleo Rural Rajadinha III em...

    Manifestantes entram em confronto na Avenida Paulista

    Integrantes de grupos que participavam de manifestação em defesa da democracia e apoiadores do governo federal entraram em confronto na tarde de hoje (31)...

    Auxílio emergencial começa a ser creditado na conta de beneficiários

    A Caixa Econômica Federal informou neste domingo (31) que vai começar a creditar a segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 diretamente nas...