silene

A funcionária pública Silene Almeida não tem deixado por menos quando o assunto é direitos dos servidores da SES-DF. Silene tem 25 anos de trabalho na rede pública de Saúde e conhece bem as figuras carimbadas do sistema. A última conquista que a funcionária e as mulheres empoderadas, servidoras da Saúde, conseguiram foi a luta dos aposentados. São 545 servidores da saúde, desde médicos até auxiliares, aposentados em 2015.

 

São servidores que, em sua maioria, trabalharam de 30 a 35 anos, e não puderam usufruir dos direitos assegurados na lei 840/2011 porque, na maioria das vezes, não tinham, no quadro, servidores suficientes para liberar as licenças remuneradas.

 

A Mulher na Política vem ganhando seu espaço em todas as categorias, e na Saúde parece que não é diferente. Muito ativa, Silene retruca sempre, através de publicações na sua rede social, a respeito das maldades feitas com os servidores. Ontem foi a vez do jornalista Hélio Doyle criticar os direitos dos servidores públicos em sua coluna. Silene respondeu à altura: é muita maldade.

 

Cris Oliveira

 

 

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.