20.2 C
Distrito Federal
domingo, 31 maio, 2020

As Quentes da Política do DF

Inquéritos das Fake News Oito deputados ligados ao presidente Bolsonaro são alvo da operação da Polícia Federal que investiga Fake News na internet contra os...
More

    Papo de Crente

    - PUBLICIDADE -


    papo de crente

    Depois que o governador Rollemberg citou a oração de aceitação a Jesus, o povo evangélico foi só agradecimentos a Deus. É que o governador estava sendo assemelhado, no meio do povo de Israel, como Nabucodonosor foi  na Babilônia.

    Quem é de Deus sabe que Jesus está onde for aceito. “Eis que estou à porta e bato, se alguém ouvir a minha voz e abrir, cearei com ele, e ele comigo”, assim foi feito quando o governador recitou as palavras em uma oração. Não houve esperança de troca de religião, mas uma coisa é certa: Jesus não deixou a chave com o homem, e a coisa só tende a mudar. O caminho de Deus é estreito, mas a vitória é garantida.

    Cris Oliveira

    Comentários

    - PUBLICIDADE -

    Notícias Relacionadas

    - PUBLICIDADE -

    Últimas Notícias

    Rio de Janeiro decide amanhã tempo de prorrogação do isolamento social

    O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, vai prorrogar medidas de prevenção e enfrentamento à propagação do novo coronavírus no estado. De acordo...

    Estado do Rio registra mais de 5 mil mortes por covid-19

    O estado do Rio de Janeiro registrou 5.344 óbitos por covid-19. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, até este...

    Fluminense confirma contratação de Fred, ídolo da torcida tricolor

    O Fluminense anunciou neste domingo (31), a contratação do atacante Fred, que vestiu a camisa do Cruzeiro na última temporada. Esta será a segunda passagem do jogador...

    Protesto no Palácio Guanabara termina em confusão    

    Manifestantes se reuniram na tarde de hoje (31) em frente ao Palácio Guanabara, sede do governo do Rio de Janeiro, para participar do ato...

    Ferramenta usa inteligência artificial para parar de fumar

    Preocupada com o tabagismo, considerado o maior risco controlável para doenças cardiovasculares e principal causa de óbitos no Brasil, a Sociedade Brasileira de Cardiologia...