papo de crente

Depois que o governador Rollemberg citou a oração de aceitação a Jesus, o povo evangélico foi só agradecimentos a Deus. É que o governador estava sendo assemelhado, no meio do povo de Israel, como Nabucodonosor foi  na Babilônia.

Quem é de Deus sabe que Jesus está onde for aceito. “Eis que estou à porta e bato, se alguém ouvir a minha voz e abrir, cearei com ele, e ele comigo”, assim foi feito quando o governador recitou as palavras em uma oração. Não houve esperança de troca de religião, mas uma coisa é certa: Jesus não deixou a chave com o homem, e a coisa só tende a mudar. O caminho de Deus é estreito, mas a vitória é garantida.

Cris Oliveira

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.