funap

A Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso do Distrito Federal (Funap/DF), vinculada à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) irá ministrar sete cursos gratuitos para os reeducandos do regime fechado que estão lotados nas Unidades Prisionais que compõem o Complexo Penitenciário do Distrito Federal (PAPUDA). Os cursos acontecem por meio de uma parceria entre a Funap e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) com colaboração do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

 

Os cursos oferecidos são de eletricista de automóveis; pedreiro de alvenaria; aplicador de revestimento cerâmico; operador de computador; pintor de obras e padeiro. Os horários das aulas serão ministradas nos turnos matutino, vespertino e noturno.

 

A diretora executiva da Funap, Francisca Aires acredita que ao ofertar os cursos aos apenados do regime fechado, o Sistema Penitenciário amplia a possibilidade de inserção dos reeducandos na sociedade.

“Essas parcerias com o SENAI só nos trouxeram frutos bons de uma chance de ressocialização. Os sentenciados terão a oportunidade de se formarem e futuramente, lá fora, poderem ter uma profissão digna e respeitada por todos. Nosso maior objetivo é torna-los cidadãos dignos do respeito da sociedade”, conclui.

 

A seleção será feita de acordo com o comportamento e tempo de pena já cumprida. Os reeducandos interessados em participar terão que procurar o agente penitenciário da unidade e informar que irá competir a uma vaga e o CPF. O início das aulas será no dia 1º de dezembro.

Fonte:Assessoria

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.