Pontão-do-Lago-Sul-Lago-Paranoá-Brasília

As dificuldades na condução da desobstrução da orla do Lago Paranoá ainda não foram sanadas pelo governo, além de suscitar insatisfação dos moradores e dividir opiniões entre a população de fora do Lago. Nesse contexto, será realizada uma audiência pública que debaterá o travamento institucional do Lago Paranoá.

A audiência será promovida pelo deputado Robério Negreiros (PMDB), em parceria com o deputado Cristiano Araújo (PTB). Foram convidados representantes dos órgãos de governo que tratam da questão, do Ministério Público, do Tribunal de Justiça.

Entre os palestrantes estão as pesquisadoras do Instituto Brasiliense de Direito Público, Flávia Vera e Adriana Ishihara. As juristas possuem uma tese sobre as causas e consequências do travamento institucional do Lago Paranoá, baseadas na Tragédia dos Comuns, conceito elaborado na Inglaterra e popularizado pelo pesquisador Garrett Hardin.

O objetivo da audiência pública é propor um formato de cooperação entre governo, sociedade e autoridades, para que o Lago Paranoá receba um uso sustentável, sem interferir na qualidade de vida de moradores e prejudique o meio ambiente.

Serviço

Local: Plenário da Câmara Legislativa

Horário: Terça-feira, 16/11, às 19h

 Fonte: Assessoria

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.