administrações

Depois da bagunça feita nas Administrações Regionais, o Governador Rollemberg resolveu aceitar o que manda o regimento interno das RAs.

Com o fim da ação frustada de retirar o poder do Administrador Regional, as coisas voltaram ao normal hoje. A criação de um Centro de Aprovação de Projetos, que centralizou tudo na Secretaria de Habitação, não deu certo. As aprovações de projetos voltam a ser como antes, expedidas pelas Regionais de cada cidade. São mais de 4 mil projetos parados, por mera vaidade de querer mudar uma estrutura já existente na máquina pública.
O governo confuso não consegue deslanchar por descumprir leis e querer fazer o que não está previsto no executivo. Será que a ficha de que cabe ao executivo executar vai cair quando para o governo de Brasília?
Cris Oliveira
Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.