Em pouco menos de quatro meses, três edificações que traziam riscos para os moradores da região foram demolidas pelo Governo do Distrito Federal, Administração Regional de Samambaia em conjunto com o DF Legal e apoio da PMDF.

A primeira edificação a ser demolida, tratava-se de um quiosque abandonado no antigo Terminal Rodoviário da Expansão de Samambaia, localizado na QR 433. O local servia de esconderijo para assaltantes, quando os passageiros desciam no ponto de parada eram roubado. Esse foi o relato da senhora Salviana Benícia, que reside em frente ao quiosque demolido. “Gostei muito da atenção que recebemos, estou muito feliz, agora teremos mais segurança, esse barraco abandonado estava perigoso” afirma Salviana.

Duas semanas depois, a segunda edificação a ser demolida, estava localizada na QN 304. O local trazia transtornos para os moradores da região, por constantemente estarem sendo surpreendidos por assaltantes, que cometiam pequenos furtos e utilizavam o local para consumo de drogas. A construção ficava ao lado de um colégio, onde as crianças da sala de aula, podiam avistar os usuários praticando atos libidinosos durante a luz do dia, relatos da proprietária da escola, senhora Nadir.

Por último, temos uma construção abandonada, na QR 307, que foi construída irregularmente em terreno da TERRACAP e que estava sendo utilizadas por moradores de rua.

Recentemente, o local foi palco de um feminicídio e a população local com medo que outra tragédia viesse ocorrer na região buscou o apoio da Administração Eegional da cidade, que prontamente, se dispôs a fazer a interlocução com os órgãos de apoio, para que a intervenção fosse realizada com máxima urgência.

Para Daniel Ferreira Matos, proprietário de uma loja vizinha a edificação demolida “esse lote foi abandonado e foi construído irregularmente no terreno da TERRACAP, aí, os moradores de rua começaram a morar nesse local. Solicitamos que eles derrubassem (o estado) e não aconteceu nada, aí mudou o ano, mudou a gestão, mudou tudo”.

O Governo do Distrito Federal tem trabalhado de forma árdua para garantir que os direitos dos cidadãos sejam garantidos com máxima rapidez. Para tanto, tem dado autonomia às Administrações Regionais para que trabalhem próximo à comunidade.

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.