Uma briga dentro de um transporte por aplicativo terminou na prisão de um passageiro que agrediu a esposa e na assinatura de um Termo Circunstânciado por parte do motorista. A equipe do Grupo de Operações de Trânsito (GOT) foi acionada por populares que presenciaram as agressões dentro do veículo na 102 Sul, às 18h40 desta segunda-feira (12).

Ao chegarem ao local, os policiais depararam-se com um cenário de tensão. Um casal e o motorista do aplicativo estavam envolvidos em uma discussão acalorada. Segundo relatos do condutor, durante a corrida, o homem presente no veículo começou a agredir fisicamente e verbalmente sua companheira, desferindo socos, chutes e até mesmo uma mordida na mão direita da vítima.

Diante da gravidade da situação, o motorista decidiu intervir, buscando proteger a mulher das agressões. No entanto, sua intervenção resultou em agressões direcionadas a ele também. O agressor passou a desferir socos contra o motorista que se defendeu usando uma faca que tinha consigo.

A chegada da polícia foi crucial para conter a briga e encaminhar os envolvidos para a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM), onde foram tomadas as providências cabíveis. O agressor, que apresentava ferimentos causados pela faca do motorista, foi levado ao Hospital de Base para atendimento médico. Após receber os cuidados necessários, ele foi conduzido à delegacia, onde ficou detido em flagrante pelos crimes de lesão corporal, injúria, vias de fato e resistência à prisão.

A condução do agressor não foi tarefa fácil, já que ele apresentava um comportamento agressivo e resistente, o que exigiu o uso da força por parte da equipe policial para garantir a segurança de todos os envolvidos.

Por sua vez, o motorista do aplicativo responderá a um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por porte de arma branca.

Centro de Comunicação Social da PMDF
PMDF – Muito mais que segurança

Fonte: PMDF