20.2 C
Distrito Federal
sábado, 28 março, 2020

AS QUENTES DA POLÍTICA DO DF

Sete toneladas de massa asfaltica Na última quinta-feira (20), a cidade de Águas Claras passou por uma grande operação para limpeza e recuperação das vias....
More
    - Publicidade -

    Começa entrega de carne moída às escolas

    No total, serão 50,7 toneladas do produto in natura AGÊNCIA BRASÍLIA *

    - Publicidade -



    A Secretaria de Educação do Distrito Federal começou nesta quinta-feira (24/10) a entrega de carne bovina moída para as escolas da rede pública de ensino do Distrito Federal. No total, serão entregues 50,7 toneladas do produto in natura para as unidades escolares, a fim de compor a merenda escolar.

    O contrato para a aquisição e distribuição da carne bovina moída foi assinado essa semana com a empresa JBS. Até o dia 1º de novembro, todas as escolas que oferecem merenda escolar estarão abastecidas com o produto. Com a regularização da entrega, a carne bovina moída, que estava fora do cardápio da merenda escolar desde 2017, agora volta a fazer parte da alimentação dos estudantes do DF.

    Cronograma de entregas
    24/10 – Quinta-feira Ceilândia, Brazlândia, Taguatinga
    25/10 – -Sexta-feira Plano Piloto, Núcleo Bandeirante, Guará, Sobradinho
    28/10 – Segunda-feira São Sebastião, Paranoá, Samambaia, Santa Maria
    29/10 – Terça-feira Planaltina, Recanto das Emas, Gama
    Frango in natura

    No dia 14 deste mês, a SEEDF entregou 87,2 toneladas de carne de frango in natura para todas as escolas da rede pública de ensino. A empresa fornecedora foi a JVC. Dessa forma, os estudantes voltaram a ter proteína in natura, após um curso período sem o produto.

    Desde o início de outubro, a Educação vem envidando esforços para normalizar o fornecimento de proteína animal in natura na alimentação escolar. Além da proteína animal in natura, outros 56 itens compõem a alimentação escolar atualmente.

    Por mês, são atendidos, em média 400 mil estudantes, sendo servidas quase 10 milhões de refeições. O investimento é de aproximadamente R$ 90 milhões anuais com recursos do Governo do Distrito Federal e do Governo Federal. Todos os cardápios são realizados por nutricionistas da SEEDF.

    Além disso, com a alimentação escolar, quase quatro mil famílias de agricultores familiares são beneficiadas, visto que eles fornecem 30 itens de hortaliças e frutas às unidades escolares.

    Últimas Notícias

    Dupla é presa após roubo na CAESB em Planaltina

    Dois homens foram presos suspeitos de roubarem servidores da CAESB em Planaltina, às 8h deste sábado (28). A dupla entrou na estação, renderam cinco...

    Ministro da Saúde alerta: “Se a gente sair andando todo mundo de uma vez, vai faltar pro rico, pro pobre”

    Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta reforçou neste sábado (28) a necessidade do isolamento social a fim de impedir o avanço do coronavírus no...

    Após tratativas do governo, Gustavo Aires consegue levar iluminação pública em LED à Samambaia.

    Nesta sexta-feira (27/07), foi dado início a implantação de iluminação de LED pela Companhia Energética de Brasília - CEB, nas faixas de pedestres em...

    Motoristas e cobradores deverão usar máscaras e álcool em gel

    Projeto de lei de autoria do distrital João Cardoso, aprovado na última sessão remota da Câmara Legislativa (quarta-feira, 25/03), torna obrigatório o uso de...

    Ceasa faz campanha para estimular venda por “delivery” de pequenos produtores

    As Centrais de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa-DF) lançaram uma campanha em suas redes sociais para promover e divulgar a entrega produtos de hortifrúti...