15.6 C
Distrito Federal
07/07/2020 - 00:58 AM

As Quentes da Política do DF

Santa Maria totalmente democrática  Pela primeira vez na Santa Maria, veículos de comunicação e comunidade podem circular tranquilamente na Administração Regional. O recém-administrador nomeado, Renato...
More

    Tite descarta favoritismo e defende Neymar



    O técnico da seleção, Tite, defendeu o atacante Neymar e descartou o favoritismo da equipe no Mundial. Com a vitória diante do México, por 2 a 0, a seleção obteve vaga nas quartas de final da Copa da Rússia. O próximo adversário será definido ainda nesta segunda (2) no confronto entre Bélgica e Japão. O jogo será na sexta (6) em Kazan.

    “O nível que atingimos é para as quartas [de final]. Temos que consolidar e crescer. Não me pego ao favoritismo. Está tudo aberto ainda”, afirmou Tite, que fez questão de defender o atacante da seleção das críticas veladas do técnico do México, Juan Carlos Osório.

    “Eu não vou responder ao Osorio, eu vi o lance. Todos que estão me assistindo tirem sua conclusão, o vídeo está aí. Imagem não questionamos”, afirmou o treinador, referindo-se ao pisão dado pelo mexicano Layun no tornozelo do brasileiro. O questionamento tinha sido feito a Neymar.

    Antes da coletiva de Tite, Sem mencionar diretamente o atacante do Paris Saint-Germain, Osorio criticou o que chamou de “vergonha”, “palhaçada” e “mau exemplo” no jogo.

    “É uma vergonha para o futebol que se perca tanto tempo com um só jogador. Nossos jogadores foram se cansando com situações de jogo que demoravam, uma durou quatro minutos. Não é um bom exemplo para o futebol e para o mundo do futebol, sobretudo para todas as crianças que assistem ao jogo”, disse Osorio.

    Depois de rebater as críticas de Osorio, Tite elogiou a atuação do ex-santista, que está pendurado com um cartão amarelo desde a segunda partida do Mundial.

    “O Neymar está melhorando nesse aspecto [disciplinar]. Tem que ficar focado. Quando gastamos energia em outras situações que não seja jogar, perde o foco. Ele gosta de jogar, gosta do drible, às vezes tem incompreensão dos adversários porque é muito ágil, rápido. É pecado driblar no último terço? Buscar jogada individual? O técnico busca isso. Ao mesmo tempo procuram tirar foco dele, por isso eu disse que nós falamos de arbitragem, para outros técnicos. A responsabilidade dele é jogar, felizmente ele está entendendo”, disse o treinador.

    A partida em Samara foi a quinta de Neymar após a cirurgia no pé direito, realizada em março. “No jogo anterior a esse ele jogou muito e repetiu o padrão de atuação pelo jogador de excelência que ele é”, disse o treinador.

    Para o segundo mata-mata, Tite não contará com Casemiro, suspenso, e ainda não sabe se poderá escalar o lateral Marcelo, que ficou de fora da partida em Samara. Ele se recupera de dores nas costas.

    Comentários

    - PUBLICIDADE -

    Notícias Relacionadas

    - PUBLICIDADE -

    Últimas Notícias

    PMDF detém casal por porte ilegal de arma de fogo e tráfico de substância entorpecente

    Os policiais militares do 11º BPM (Rotam Alfa 04) em Samambaia, detêm casal suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas e porte ilegal...

    Adolescente apreendido diz: "É melhor vender drogas do que roubar"

    Um adolescente foi apreendido suspeito de tráfico de drogas na QD 11 do Setor Oeste do Gama, por volta das 21h45 desta segunda-feira (07). Policiais...

    Bolsonaro faz exame de covid-19; resultado sai nesta terça

    A Secretaria Especial de Comunicação Social divulgou em nota que o presidente Jair Bolsonaro realizou na noite desta segunda-feira (6) um teste de covid-19...

    UPA de Ceilândia: mais 20 leitos para pacientes com Covid

    Na manhã desta segunda feira (6), 20 novos leitos de UTI com respiradores para pacientes com Covid-19 entraram em funcionamento na Unidade de Pronto...

    PMDF apreende dois pés de maconha na Cidade Estrutural

    Policiais militares do Grupo Tático Operacional do 15º Batalhão (Gtop 35) apreenderam dois pés de maconha no Setor Oeste da Cidade Estrutural. Um jovem...