A Rodoviária do Plano Piloto fica localizada em um espaço privilegiado da capital federal. No centro do poder, ela concentra e redistribui um grande número de pessoas que passam por lá diariamente, cerca de 700 mil. De norte a sul do Distrito Federal e do Entorno, com a sua variedade de estilos, sotaques e destinos, ali o que não faltam são histórias para compartilhar dos seus 59 anos a serem completados em 12 de setembro. A rodoviária é a cara do DF, quase que uma cidade à parte.

Lúcio Costa, o criador de toda a estrutura, compartilhou em relatório sobre o Plano Piloto o sentimento de ver toda a estrutura urbana construída. “Foi o Brasil de verdade, o lastro popular que tomou conta da área. Isso deu uma força enorme à capital, me fez feliz de ter contribuído involuntariamente para essa realização”, disse o arquiteto à época da criação.

Foi a senha para que os pioneiros do Distrito Federal inaugurassem a rodoviária em 12 de setembro de 1960.

Atual gestão

Nesses 59 anos de vida, muitos fatos marcaram a “rodô”, como é carinhosamente chamada por brasilienses. Inclusive neste ano. Como ação preventiva, o governador Ibaneis Rocha interditou em junho parte superior do terminal, pois um monitoramento detectou fissuras em vigas de sustentação.

A intervenção imediata do GDF foi necessária face aos riscos de segurança à população. As obras estão em curso para fortalecer toda a estrutura.

Leia também:
Novacap vai usar liga de carbono para recuperar Rodoviária do Plano Piloto

Outras melhorias avançam. As 12 escadas rolantes e seis elevadores estão prestes a voltar a operar. O governo investiu R$ 920 mil para que as pessoas que circulam diariamente pela rodoviária tenham acessibilidade e conforto. A previsão é que tudo esteja em pleno funcionamento ainda neste mês de setembro.

Além dessas reformas, ações sociais são executadas pela administração do terminal, em parceria com empresas privadas. Uma delas foi realizada em julho, atendendo a cerca de 1.500 pessoas com serviços de checagem de saúde ocular. Exames foram realizados, óculos distribuídos (para casos mais necessários), houve sorteio de consultas e cirurgia de catarata.

Administrador da Área Central e Terminal Rodoviário, Josué Martins comenta o que tem sido feito no complexo. “Toda a nossa equipe está totalmente comprometida com as atividades a serem realizadas. Estamos trabalhando para daqui a 59 anos termos uma área muito melhor”, declarou. “O nosso governador Ibaneis Rocha, em sua sensibilidade, percebeu a necessidade que a rodoviária tem para o brasiliense. Aqui é o lugar do povo, o lugar mais democrático que já conheci em toda a minha vida”.

Programação de aniversário

Para celebrar o aniversário de 59 anos, na próxima quinta-feira (12), das 9h às 17h, o Sesc-DF oferecerá uma programação diversificada para os frequentadores do terminal. O administrador convida toda a população. “Estamos preparando uma linda festa de comemoração”, adianta Josué.

Confira:

Atividades diversas

  • Oficina multiplicando o saber (confecção de lápis decorado)

  • Fit box e hit box

  • Zumba fitness

  • Capoeira

  • Avaliação física

  • Orientação e prevenção à dengue

  • Verificação da saúde arterial

  • Saúde bucal

  • Espaço literário (gibis, livros e pintura livre)

Palco (apresentações musicais)

  • 17h às 17h30: repentistas

  • 17h30 às 18h: apresentação de hip hop

  • 18h às 19h: Orquestra Alada Trovão da Mata

  • 19h às 20h15: karaokê ao vivo com a banda Vox Pop

Além dos serviços oferecidos pelo Sesc, a Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) levará uma edição da programa “Câmara Mais Perto de Você” ao dia do aniversário. A solenidade está marcada para as 15h, com a presença do presidente daquela Casa, Rafael Prudente.

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.