A Cidade Estrutural sofre com o total abandono do governo Ibaneis Rocha. O lixo toma conta das ruas da cidade que teve o Lixão desativado no governo passado. Os grupos de whatsapp foram palco dos filmes gravados pelas lideranças comunitárias. O desespero era tanto que a liderança estava pedindo limpeza em nome de Jesus.

Insatisfeitos, os moradores da Estrutural lembram nomes de bom administradores que passaram pela cidade, entre eles está o nome da coordenadora do governador Ibaneis Rocha, Bete Guilherme.

Enquanto a dengue cresce assustadoramente esperando que o cronograma do SOS-DF passe para limpar as cidades, o governador assina parceria de novos voos para Brasília. O decreto que vai ficar na história do governo Ibaneis é o que cria a identidade especial para familiares do governador e do vice. O decreto da “corte” foi pauta nacional, mas para quê serve e que tipo de uso tem o tal documento, ninguém sabe explicar.

Foi sancionada pelo Governador, a Lei que destina 30% da frota dos ônibus do BRT-SUL para uso exclusivo das mulheres, como prevenção do abuso sexual acabando com a vulnerabilidade. A importunação sexual acontece sim nos ônibus e as mulheres têm denunciado. A Lei é de autoria do deputado Leandro Grass (REDE).

E por falar em direitos e prevenções que venham dimunuir os casos de agressão contra a mulher, a deputada Júlia Lucy (Novo) é autora do projeto de Lei aprovado na CLDF, que prevê a multa de R$ 5 mil para os condenados por agressões à mulher. O objetivo da Lei é lembrar ao agressor que além das punições já previstas, vai doer também no bolso.

Os 100 dias de governo Ibaneis foram marcados com atitudes luxuosas, com manchetes de compra de avião, mansão no Lago Sul, carteirinha VIP para a corte e muitas críticas ao Governo Federal. Não adianta doar o salário e esquecer o social que amortece todas as atitudes duras do Governo. Os “Secrenistros” (mistura de secretário com ex-ministro),não deram conta do recado. Fica a dica.

Cris Oliveira

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.