32.9 C
Distrito Federal
19/09/2020 - 12:31 PM

As Quentes da política do DF

MP 971/20 em pauta Está em pauta na Câmara dos Deputados, nesta quinta-feira (17), a medida provisória 971/20 que trata do aumento salarial  da força...
More

    Anitta bate recordes com álbum visual

    Seja em forma de homenagem, seja em forma de apropriação, a cantora se vale de nomes de peso e gêneros de sucesso para surfar na onda latina que ganha o mundo



    FELIPE MAIA (FOLHAPRESS) – “Bons artistas copiam, grandes artistas roubam.” Atribuída a nomes que vão de Leonardo da Vinci a Pablo Picasso, a frase apócrifa tem seu valor. Em seu novo álbum, “Kisses”, Anitta rouba tudo o que pode para chegar a seu objetivo –ser uma das grandes artistas da música latino-americana.

    Seja em forma de homenagem, seja em forma de apropriação, a cantora se vale de nomes de peso e gêneros de sucesso para surfar na onda latina que ganha o mundo. “Kisses” é um álbum visual. Clipes ilustram cada uma das dez faixas do disco, num diálogo entre som e imagem. Esse novo tipo de álbum conceitual já poderia ser observado no Brasil em produções lançadas no ano passado, como “Oyá Tempo”, da cantora Luiza Lian, ou “Amar É para os Fortes”, do rapper Marcelo D2.

    Em sua proposta, Anitta faz clara referência à cantora Beyoncé. Foi ela quem lançou a ideia, com o disco “Lemonade” há três anos. Em uma semana, o álbum da artista americana teve mais de 116 milhões de acessos em serviços de streaming e no YouTube. Em um dia, Anitta alcançou cerca de 20% desse número.

    Todos os clipes do álbum passaram a marca de 1 milhão de visualizações no YouTube em pouco mais de 24 horas – a faixa menos vista era a parceria com Caetano Veloso. No Spotify, as dez canções do álbum aparecem entre as 30 músicas mais ouvidas no Brasil. O feito, inédito entre outros artistas brasileiros, é fruto dos mais de 5 milhões de acessos que as músicas do disco acumulam no serviço de streaming desde a última sexta. O número desbancou o álbum “Thank U, Next”, da americana Ariana Grande, como melhor estreia na plataforma.

    Muito desse hype, no entanto, se deve às inúmeras parcerias do disco. Entre produtores, compositores e diretores, há cerca de 50 nomes de peso no álbum. Eles vão da jovem popstar americana Becky G ao DJ sueco Alesso, passando por artistas latino-americanos e compositores de rap.

    Anitta não canta só em espanhol, em inglês ou em português. Ela também quer chegar a outros mercados por meio da linguagem musical em voga no mundo pop. E, para isso, ela se vale de gente relevante. Prince Royce, cantor de bachata com quem Anitta estrela a faixa “Rosa”, tem um clipe com mais de 1 bilhão de acessos. Swae Lee, parceiro da cantora na faixa “Poquito”, é um dos rappers mais requisitados nos Estados Unidos nos últimos anos ao lado do irmão na dupla Rae Sremmurd.

    Os clipes acentuam o tom de mosaico que Anitta impõe ao disco. Rihanna, Katy Perry, Christina Aguilera e Cardi B são alguns dos nomes que vem à mente nas imagens dos vídeos de “Banana” e “Juego”. As letras seguem a cartilha da cantora nos últimos anos. Anitta fala de uma mulher decidida, que paga suas contas e faz o que bem entende. Embora tenha sido alvo de polêmicas envolvendo as motivações e os objetivos dessa postura, Anitta segue ventilando ideias de afirmação feminina em todas as faixas do álbum.

    Ouvidas e vistas separadamente, as canções de “Kisses” parecem pouco originais mesmo com tantas referências e parcerias. Em conjunto, porém, elas trazem alguma diversidade. O disco guarda sua unidade nas letras, mas também no contraste marcado entre tempos e batidas de timbres graves e médios.

    Esses elementos, originários do hip-hop, são hoje onipresentes no pop global em formas como reggaeton, dancehall e baile funk. O uso sutil ou descarado desses gêneros dá versatilidade ao disco. É o caso da faixa “Onda Diferente”. Na produção dos cariocas Papatinho e DJ Will da 22, Anitta canta ao lado de Ludmilla sobre a crua levada do funk 150 BPM para em seguida dar espaço à prosódia espaçada do rapper Snoop Dogg.

    Comentários

    - PUBLICIDADE -

    Notícias Relacionadas

    A TV Brasil e os 70 anos da televisão

    A TV Brasil entrou no ar no dia 02 de dezembro de 2007 e nasceu da criação da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) por...

    Flordelis faz homenagem a morte do marido que ela é acusada de ter mandado matar

    Um ano e 3 meses de ser assassinado com mais de 30 tiros na garagem da casa onde morava, o pastor Anderson do Carmo ...

    Hospitais do SUS se mobilizam para aumentar segurança com pacientes

    Típicas de doenças que geram condições incapacitantes ou limitantes, as chamadas escaras de decúbito ou úlceras de pressão, são lesões comuns em pessoas que...
    - PUBLICIDADE -

    Últimas Notícias

    Bolsonaro diz que país está em fase final de “grande provação”

    O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (19) que o Brasil está na fase final de “uma grande provação” e que ainda neste ano o...

    Governo do estado assume gestão do Samu no município do Rio

    A Fundação Saúde  do governo do estado assumiu hoje (19) a gestão do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no município do Rio...

    Pagamento do benefício Mobilidade Cidadã

    O Governo do Distrito Federal (GDF) fez nesta semana, dia 17, o pagamento do Programa Mobilidade Cidadã para cerca 1.707 proprietários de ônibus e...

    PMDF salva vida de bebê recém-nascida

    Os policiais militares salvaram a vida de um bebê de 20 dias de vida, nesta sexta-feira (18), por volta das 22h. A criança foi...

    CEB finaliza a modernização da subestação de Ceilândia Norte

    Foto: divulgação CEB As eventuais quedas de energia, que incomodam os moradores de Ceilândia, estão perto de  ganhar uma solução. A Companhia Energética de Brasília...