20.2 C
Distrito Federal
quinta-feira, 2 abril, 2020

AS QUENTES DA POLÍTICA DO DF

Sete toneladas de massa asfaltica Na última quinta-feira (20), a cidade de Águas Claras passou por uma grande operação para limpeza e recuperação das vias....
More

    Auditoria revela trinca de 7 metros em barragem da Vale em Minas Gerais

    Mineradora suspendeu a disposição de rejeitos e acionou o nível de alerta Por FRANCO MALHEIRO E RAQUEL PENAFORTE


    Uma barragem da mineradora Vale, localizada no município de São Gonçalo do Rio Abaixo está com uma fissura de 7 metros de comprimento e largura de 8 centímetros. A anomalia foi identificada na barragem Laranjeiras, da mina de Brucutu, durante uma auditoria externa.

    A Secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) confirmou o relatório emitido pela  empresa Advisian, que constatou também que “os resultados do monitoramento do Radar de Abertura Sintética Interferométrica (InSAR) da barragem apontam para um deslizamento da ombreira esquerda na ordem de 60 a 85 mm”.

    A avaliação da empresa ocorreu  entre os dias 19/06/2018 a 12/10/2019. No último dia 11, a  Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam) e a Agência Nacional de Mineração (ANM) fizeram uma vistoria na estrutura para verificar e monitorar as condições de funcionamento.

    Segundo a Semad, depois de identificada a anomalia, a Vale suspendeu a disposição de rejeitos na barragem e acionou o nível de alerta 1 junto à ANM. Ainda de acordo com a Semad, a Vale também rebaixou o nível d’água da barragem para, reduzir os riscos.

    Por meio de nota, a mineradora Vale informou que desde o dia 2 deste mês, suspendeu, de forma temporária, a disposição de rejeitos na barragem enquanto conduz avaliações sobre as características geotécnicas da barragem.

    A Vale disse também que a situação está controlada e que a estrutura está sendo monitorada.
    A nota esclarece ainda que o documento de que atesta a estabilidade da barragem, a Declaração de Condição de Estabilidade (DCE), emitida em 30 de setembro de 2019, permanece válido.
    Veja a nota na íntegra:
    “Desde 2/12/19, a Vale suspendeu, de forma temporária, a disposição de rejeitos na barragem Laranjeiras, advindos da mina de Brucutu, enquanto conduz avaliações sobre as características geotécnicas da barragem. A situação está controloda e sendo tratada, com monitoramento sendo realizado 24h por dia. A barragem Laranjeiras teve sua Declaração de Condição de Estabilidade (DCE) emitida em 30 de setembro de 2019. O documento permanece válido.
    Importante destacar que durante a paralisação, a barragem adota o protocolo de emergência em Nível 1, que não requer evacuação da população a jusante, de acordo com a ANM.
    A Vale tem feito reuniões periódicas com os órgãos competentes e informado a comunidade, além de manter equipe de Relacionamento com a Comunidade para prestar os esclarecimentos aos moradores.
    Já foram instaladas placas de rotas de fuga e ponto de encontro em toda região da ZAS e disponibilizados veículos com sistema de alerta na Zona de Segurança Secundária ( ZSS). A Vale já está tratativa com a Defesa Civil para agendamento do simulado de emergência para a comunidade.
    A barragem Laranjeiras foi construída pelo método para a jusante, considerado um dos mais seguros. O seu volume atual é de atual 25,8 milhões M³ e com capacidade para 53 milhões M³.”

    A Feam e ANM também foram procuradas mas até o momento não se posicionaram.

    Fonte: O Tempo

    Latest Posts

    Governo amplia isolamento social até 3 de maio

    O isolamento social no Distrito Federal será prorrogado até o dia 3 de maio. A decisão foi publicada, em decreto do governador Ibaneis Rocha,...

    Administração por videoconferência

    O administrador de Samambaia criou um novo canal para facilitar a comunicação com a comunidade neste momento de crise. Preocupado com a saúde da...

    Flávia Arruda pede extensão do seguro desemprego durante pandemia

    Entre as medidas de auxílio aos mais vulneráveis no período de crise, a deputada federal Flávia Arruda (PL-DF) protocolou projeto que permite a extensão...

    Projeto de Julio Cesar Ribeiro garante apoio financeiro ao setor cultural do país durante a pandemia

    Um projeto de lei apresentado pelo deputado federal Julio Cesar Ribeiro (Republicanos-DF), dispõe a liberação de recursos do Fundo Setorial de Audiovisual (FSA) e...

    Últimas Notícias

    Motoristas e cobradores deverão usar máscaras e álcool em gel

    Projeto de lei de autoria do distrital João Cardoso, aprovado na última sessão remota da Câmara Legislativa (quarta-feira, 25/03), torna obrigatório o uso de...

    Ceasa faz campanha para estimular venda por “delivery” de pequenos produtores

    As Centrais de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa-DF) lançaram uma campanha em suas redes sociais para promover e divulgar a entrega produtos de hortifrúti...

    PMDF prendeu em flagrante arrombadores de lojas no Gama

      Os militares do 9º Batalhão de Polícia Militar prenderam dois homens tentando furtar uma loja de eletrodomésticos do GAMA. Eles foram detidos na noite...

    PM prende suspeitos de arrombar lojas em Santa Maria

    Os policiais militares prenderam três homens suspeitos de arrombar várias lojas em Santa Maria, na madrugada desta sexta-feira (27). Eles foram presos em flagrante...

    Ações para enfrentar coronavírus totalizam R$ 700 bi, diz Guedes

    As ações da área econômica para reduzir os danos provocados pela crise do coronavírus totalizam R$ 700 bilhões, entre antecipações de recursos, liberação de...