20.1 C
Distrito Federal
12/07/2020 - 22:24 PM

As Quentes da Política do DF

Trocas de cadeiras no GDF O governador esquentou a caneta azul na tarde de ontem. Devolveu o DF-Legal para o PP de Celina Leão e...
More
    - PUBLICIDADE -

    As Quentes da Política do DF

    - PUBLICIDADE -



    Privatização será pauta na CLDF

    A CLDF já volta do recesso com a imensa responsabilidade de analisar as propostas de privatizações das empresas públicas do DF. Segundo alguns deputados, o foco é a melhoria da qualidade dos serviços públicos que se arrastam no DF. Outro ponto a ser analisado é o custo e o benefício que cada empresa está proporcionando ao governo.

    É difícil votar pela privatização quando se é servidor

    Votar a favor da privatização das empresas públicas pode ser o fim da carreira dos deputados que representam categorias de servidores públicos. Os parlamentares não têm certeza sobre a aprovação dos projetos de privatização porque vários são servidores públicos e estão pensando duas vezes pra não decepcionar o eleitorado.

    Empresas na mira da privatização

    O Metrô, a CEB e a CAESB são alvos da privatização. Na CAESB, o presidente da empresa está no ritmo do setor produtivo.

    Adiantando a “privatização” da CAESB

    Servidores públicos a beira da privatização já são tratados pelo chefe como “empregados”. O presidente da Caesb, Carlos Augusto, gravou um vídeo sobre as mudanças feitas na estrutura da empresa, falando sobre a privatização e deu a ordem: “Os dois vídeos devem ser enviados para todos os “empregados” da empresa.” O linguajar do chefe não agradou os, até então, servidores públicos. A CAESB  é uma empresa pública do DF que não causa prejuízo.

    CLDF volta a pisar em ovos

    Na volta do recesso, os deputados ainda estão cismados com os acontecimentos que levaram à operação Abstentia, que apura possíveis fraudes nas folhas de pontos dos parlamentares. As investigações da Polícia Civil continuam a todo vapor e muitos deputados andam vestindo a carapuça. Outra bomba que está por vir anda tirando o sono da diretoria de Recursos Humanos e dos deputados reeleitos: um certo ato, assinado no apagar das luzes de 2018, promete complicações para o segundo semestre.

    Operação PECÚLIO investiga FUNAP

    O MPDFT e a PCDF deflagraram a operação Pecúlio na manhã desta sexta-feira (02/08), que investiga ex-servidores da Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso-FUNAP. Foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão em residências de servidores lotados no setor financeiro da Funap durante a gestão 2017-2018. Tem ex-deputado distrital com muito medo do que será apurado.

    Cris Oliveira

    Comentários

    - PUBLICIDADE -

    Notícias Relacionadas

    - PUBLICIDADE -

    Últimas Notícias

    PMDF apreende três menores de idade por crimes análogos ao roubo, receptação e uso de drogas em Planaltina

    PMDF apreende três menores de idade por crimes análogos ao roubo, receptação e uso de drogas, na tarde deste domingo, por volta das 16h,...

    PMDF prende dois homens e uma mulher após envolvimento em homicídio na Ceilândia

    PMDF prende dois homens e uma mulher após envolvimento em homicídio, na madrugada deste domingo (11), por volta das 2h40, na QNQ 01, conjunto...

    Estado do Rio tem quase 130 mil casos de covid-19, com 11.415 mortes

    O estado do Rio de Janeiro registrou 129.684 casos de covid-19, com 11.415 mortes. Os dados foram divulgados neste domingo (12), pela Secretaria de Estado de...

    Agências oferecem 136 vagas nesta segunda (13)

    Com o melhor salário oferecido nas agências do trabalhador do DF nesta segunda-feira (13), um total de R$ 2.500, mais benefícios, as áreas de...

    Brasil registra 631 mortes por covid-19 em 24 horas

    O Brasil registrou 631 óbitos pelo novo coronavírus em  24h, entre o boletim deste sábado (11) e o divulgado hoje (12), segundo atualização diária divulgada pelo...