23.2 C
Distrito Federal
21/09/2020 - 03:59 AM

As Quentes da política do DF

MP 971/20 em pauta Está em pauta na Câmara dos Deputados, nesta quinta-feira (17), a medida provisória 971/20 que trata do aumento salarial  da força...
More

    Anac proíbe embarque de modelos do Macbook Pro 15″ em voos

    A restrição vem de "problemas detectados" em lotes de baterias de lítio que podem provocar explosões



    AAgência Nacional de Aviação Civil (Anac) proibiu o embarque de MacBook Pro de 15 polegadas, computador portátil da Apple, em voos operados no Brasil. A recomendação foi publicada no site da agência reguladora nesta quarta-feira, 28, e enviada para as companhias aéreas que atuam no país. “A recomendação é válida até que a fabricante realize a substituição dos modelos defeituosos”, afirma a nota.

    De acordo com a Anac, a restrição vem de “problemas detectados” em lotes de baterias de lítio fabricadas entre setembro de 2015 e fevereiro de 2017, que podem provocar explosões. A orientação da agência reguladora é que os dispositivos defeituosos não sejam transportados como bagagem de mão nem despachados no porão dos aviões, “dados os riscos que representam para as operações aéreas”.

    A Anac orienta ainda que os passageiros chequem no site da Apple se o dispositivo está na lista de recall da marca. A agência, porém, não especificou como ocorrerá a fiscalização. De acordo com a agência, quem embarcar com o dispositivo “será orientado a manter o dispositivo desligado e não recarregar o aparelho durante o voo”.

    A lista completa dos produtos classificados como perigosos pelas regras internacionais de aviação civil pode ser consultada na página “O que posso transportar?”, no site da ANAC.

    Celulares que explodem

    Essa não é a primeira orientação do tipo emitida pela ANAC. Em 2016, o Galaxy Note 7, da Samsung, começou a registrar faíscas e explosões durante voos comerciais em todo o mundo, o que levou à proibição do aparelho a bordo.

    Após vários incidentes com o smartphone, mesmo após novas certificações de segurança, a Samsung decidiu suspender a produção do Galaxy Note 7. De acordo com a companhia sul-coreana, mais de 2,5 milhões de celulares precisaram passar pelo recall.

    Comentários

    - PUBLICIDADE -

    Notícias Relacionadas

    Mais segurança para quatro mil ciclistas

      Em ação realizada neste domingo (20) pela equipe de Educação de Trânsito do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER/DF), quatro mil...

    CEB finaliza a modernização da subestação

    As eventuais quedas de energia, que incomodam os moradores de Ceilândia, estão perto de  ganhar uma solução. A Companhia Energética de Brasília (CEB) concluiu...

    Homem é preso por arrombar carros na área central de Brasília

    Um homem de 24 anos foi preso por furto qualificado, por volta das 1h45 deste domingo (20), na quadra 6 do Setor Comercial Sul....
    - PUBLICIDADE -

    Últimas Notícias

    Homem é preso com pistola em festa na Ponte Alta

      Um homem foi preso suspeito de porte ilegal de arma de fogo em uma festa na DF 475, Ponte Alta no Gama, às 21h15...

    PMDF prende homem armado em São Sebastião

    Um homem foi preso suspeito de porte ilegal de arma de fogo após abordagem no bairro Bela Vista em São Sebastião, às 18h50 deste...

    Policiais militares apreendem maconha e crack durante abordagem no Varjão

    Um homem foi detido pelos policiais militares do 24º Batalhão suspeito de tráfico de drogas, às 13h deste sábado (19). Ele foi visto na...

    PMDF resgata três papagaios no Riacho Fundo

    Policiais militares do Grupo Tático Ambiental (GTA) resgataram três papagaios na Colônia Agrícola Sucupira, no Riacho Fundo. A equipe da PMDF foi acionada, às...

    Saúde atualiza números da pandemia: Brasil tem 363 novos óbitos

    Segundo a última atualização do Ministério da Saúde, mais 363 pessoas morreram por causa da covid-19 no Brasil neste domingo (20). Com isso, o...