A Casa Batista da Amizade (Baptist Friendship House) de Nova Orleans, Estados Unidos, foi homenageada pelo diretor do FBI, Christopher Wray, por conta do trabalho desenvolvido contra o tráfico de seres humanos.

Representando a instituição, a missionária Kay Bennett recebeu o Prêmio de Liderança Comunitária 2018 que foi entregue em uma reunião realizada no começo de maio em Washigont DC.

A Casa da Amizade Batista é um ministério pertencente ao projeto North American Mission Board (NAMB) que desde 1997 tem realizado atividades diversas, incluindo o combate ao tráfico de pessoas.

Leia mais…

“Por muitos anos, o Escritório do FBI em Nova Orleans e a Casa da Amizade Batista trabalharam juntos para combater o tráfico de pessoas na cidade de Nova Orleans”, disse Eric J. Rommal, agente especial do FBI em Nova Orleans.

“Sua equipe continua a servir o abrigo com compaixão, dedicação e profissionalismo. Seja resgatando vítimas de situações de tráfico de pessoas, fornecendo serviços às vítimas necessitadas ou apoiando esforços comunitários em toda a área metropolitana, a Casa da Amizade Batista é apenas um telefone. telefonar e está sempre disposto a atender o chamado por serviço”, completou.

Segundo Bennett, a associação passou a se preocupar com o tráfico de pessoas quando uma mulher sem-teto que viva no abrigo da igreja foi abordada por um estranho na rua que se ofereceu para comprar sua filha. As informações são do Baptist Press.

Ela entende que as pessoas desabrigadas são muito vulneráveis a serem traficadas. Além de oferecem abrigo, elas também são tratadas e alimentadas pela Casa da Amizade Batista. A entidade ainda realiza atividades para conscientizar a população sobre como prestar assistência ao afetados e como defender as vítimas.

Fonto: Gospel Prime

Todo o conteúdo exposto por comentários nas matérias deste site é de responsabilidade de seus respectivos autores. Por favor leia nossa Política de comentários antes de comentar.