26.5 C
Distrito Federal
13/08/2020 - 14:09 PM

As Quentes da Política do DF

Fogo no cabaré: Hermeto protagoniza baixaria em plenário O que teve início como um comunicado aos policiais militares a respeito da impossibilidade de redução do...
More
    - PUBLICIDADE -

    Pandemia vai afetar todas as áreas da educação no país, diz Inep


    A crise gerada pela pandemia do coronavírus deverá atingir todas as áreas da educação, mas ainda é cedo para saber quais serão seus impactos. A constatação foi feita nesta quinta-feira (2) pelo pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Gustavo Henrique Moraes, durante apresentação do relatório do 3º Ciclo de Monitoramento das Metas do Plano Nacional de Educação/2020.

    O impacto financeiro da crise no Ministério da Educação ( MEC) também foi admitido. “O MEC se enfraquece um pouco diante da questão fiscal que o Brasil vive”, reconheceu sem dar detalhes o presidente do Inep, Alexandre Lopes.

    Metas

    O PNE, como é conhecido, tem 20 metas que devem ser cumpridas 100% em um prazo de 10 anos , de 2014 a 2024. O relatório – que abrange os últimos dados de 2018 e 2019 – divulgado hoje aponta que dos 57 indicadores, apenas 13,4% tiveram a meta atingida.

    “Percebe-se que 41 indicadores (73,21%) têm nível de alcance maior do que 50%, 28 indicadores (53,84%) têm nível maior do que 80% e 7 indicadores (13,46%) já chegaram à meta estabelecida. O nível médio de alcance está em 76,22%. Reconhecer esses números é rejeitar a compreensão simplista que afirma que tudo vai mal na educação brasileira; é reconhecer o esforço coletivo dos profissionais da educação que, mesmo que enfrentem adversidades, apostam na escola como o local da esperança e da transformação nacional”, ressalta o documento.

    Os dados apresentados mostram ainda que apenas 31 de 37 indicadores usados no plano tiveram nível de execução inferior a 60%, mas 21% dos indicadores retrocederam. Sobre o desempenho do Plano, o presidente do Inep disse que, sozinho, o MEC não conseguirá executar todas as 20 metas do PNE até 2024 e lembrou a importância do envolvimento dos estados, municípios, universidades, institutos federais no cumprimento dos objetivos.

    Adultos

    O pior resultado do relatório diz respeito à meta que estipula que pelo menos 25% das matrículas na Educação de Jovens e Adultos seja integrada à educação profissional. “Aqui está nosso pior indicador: apenas 1,6% de matrículas de jovens adultos estão integradas à educação profissional”, destacou Gustavo Moraes.

    Comentários

    - PUBLICIDADE -

    Notícias Relacionadas

    Governo de SP autoriza retomada dos cursos na área da Saúde

    O governo de São Paulo autorizou hoje (7) a retomada das atividades de internato e de estágio curricular para os cursos de medicina, farmácia,...

    RJ: professores mantêm greve diante da possibilidade de volta às aulas

    Professores das escolas particulares da cidade do Rio de Janeiro decidiram hoje (1º), em assembleia virtual, manter a greve iniciada no dia 6 de...

    Nove estados e DF podem voltar às aulas nas escolas particulares

    Após cerca de quatro meses com as aulas suspensas, estados começam a sinalizar a volta às aulas presenciais nas escolas. De um lado, melhor...
    - PUBLICIDADE -

    Últimas Notícias

    Sala de acolhimento para familiares de pacientes do HRT

    a iniciativa tem como objetivo minimizar angústias, incertezas e proporcionar acolhimento psicológico social. Foto: Divulgação | Secretaria de SaúdeA situação imposta pela pandemia afeta...

    PMDF detém adolescente com drogas próximo ao CPP

    Policiais militares apreenderam um adolescente de 15 anos transportando drogas nesta madrugada (13), por volta de 1h30, na margem da via Estrutural, próximo ao...

    HRT cria sala de acolhimento para familiares de pacientes

    A situação imposta pela pandemia afeta bem mais do que a saúde física dos acometidos pela Covid-19. A doença também gera um processo de...

    Pazuello diz que falta de medicamento contra covid-19 será resolvida

    O ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, reconheceu nesta quinta-feira (13) que faltaram medicamentos nos hospitais brasileiros para combate ao novo coronavírus,mas que com...

    Perez testa negativo para covid-19 e é liberado para GP da Espanha

    O piloto Sérgio Perez está liberado para o Grande Prêmio da Espanha, sexta etapa do Mundial de Fórmula 1 de 2020, neste domingo (16), depois de testar negativo para...