16.6 C
Distrito Federal
06/08/2020 - 10:57 AM

As Quentes da Política do DF

Ex-secretário de transporte condenado Quem se lembra da fraude da licitação de transporte públicos no governo Agnelo? Pois é, o ex-secretário José Valter e o...
More

    Metrô-DF inicia décimo ciclo de desinfecção


     

    Ação é empreendida regularmente, contemplando tanto os vagões quanto as demais áreas das estações | Foto: Divulgação / Ascom Metrô-DF

    A Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) inicia hoje o décimo ciclo de desinfecção com quaternário de amônio. Aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e usado na China e em outros locais do mundo, o produto age como uma película que extermina vírus, bactérias, fungos e ácaros, formando uma camada protetora que mantém o local desinfetado por mais tempo. A aplicação, com pulverizadores, é feita durante a madrugada, quando não há circulação de passageiros.

    Esse processo de limpeza nos trens e nas estações do Metrô-DF é praticado desde o início de abril, como medida adicional de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus. A cada semana, todo o sistema – trens, estações e demais unidades administrativas e operacionais – passa por desinfecção. No oitavo ciclo, as estações de Ceilândia, região que apresentou aumento no número de casos, receberam duas aplicações do produto.

    Até agora, foram usados 23,4 mil litros do quaternário de amônio diluído. A aplicação do produto continuará sendo feita a cada semana, por tempo indeterminado. Esse processo de higienização se soma às demais ações que Metrô-DF tem adotado desde 9 de março, dois dias antes de a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarar pandemia por coronavírus.

    23,4 mil litros
    Volume de quaternário de amônio diluído utilizado, até agora, na desinfecção

    Além da aplicação do quaternário de amônio, a companhia continuará com a limpeza diária dos trens e das estações, além do reforço entre viagens na Estação Central e nos terminais de Ceilândia e Samambaia, sobretudo nas estruturas metálicas, cadeiras, pega-mãos e bilheterias. Para a limpeza diária e constante, foi adotado o uso do peróxido de hidrogênio. O reforço da limpeza nas superfícies metálicas e bilheterias das estações é feito a cada 30/40 minutos.

    * Com informações do Metrô-DF

    Comentários

    - PUBLICIDADE -

    Notícias Relacionadas

    Reparos na Ponte JK serão executados no período noturno

    * conteúdo atualizado às 16h16     Na manhã desta quarta-feira (5), a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) deu início aos reparos nas juntas...

    Brazlândia retoma grupo de tabagismo em meio digital

    Procura nas redes sociais resultou na ideia de atendimento a distância mesmo antes da pandemia | Foto: Agência SaúdeCom os encontros presenciais suspensos em...

    Programa GDF Presente chega a Sobradinho II

    Sai Planaltina, entra Sobradinho II: o Polo Norte do GDF Presente chegou nas ruas e estradas da região nesta quarta-feira (5) levando uma série...
    - PUBLICIDADE -

    Últimas Notícias

    Park Way tem novo administrador

    O deputado distrital Hermeto emplacou novamente o administrador do Park Way. O novo administrador Maurício Tomaz é bombeiro militar e cunhado de um conhecido...

    Governo certifica pontos de parada e descanso em rodovias

    O Ministério da Infraestrutura certificou nove locais como pontos de parada e descanso para motoristas de transporte de cargas e passageiros nas rodovias brasileiras....

    PMDF prende motorista embriagado e passageiro armado em Planaltina

    A Polícia Militar prendeu duas pessoas, na madrugada de quinta-feira (6), por porte de arma de fogo e embriaguez ao volante, na Quadra 1,...

    Indicador Antecedente de Emprego da FGV cresce 9,2 pontos

    O Indicador Antecedente de Emprego (Iaemp), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), subiu 9,2 pontos de junho para julho deste ano e atingiu 65,9...

    Adoniran, 110 anos: compositor marcou o samba com sotaque paulistano

    Como não ter uma baita de uma reiva de ir em um samba quando não encontremo ninguém? Ainda mais se esperava tomar uma frechada...